Conheça os vencedores do 8° Festival Olhar de Cinema – Cinemascope

0 34

Na última quarta-feira (12) foram anunciados os vencedores da 8a edição do Festival Olhar de Cinema. Ao todo, foram exibidos 131 filmes de diversas nacionalidades separados em 10 mostras diferentes.

O grande premiado da noite foi o longa Diz a ela que me viu Chorar, da diretora Maíra Bühler. Repleto de amor, violência, decepções, sonhos e impossibilidades, o título se propõe a olhar para pessoas que a sociedade preferia que fossem invisíveis ou inexistentes.

O documentário Chão, de Camila Freitas, levou duas honrarias no festival: o Prêmio do Público e o Prêmio Especial do Júri. O filme acompanha o cotidiano de um assentamento do Movimento dos Trabalhadores Sem Terra em Goiás.

Já o prêmio de Melhor Filme Brasileiro foi para Espero tua (re)volta, de Eliza Capai, e o Prêmio da Crítica para Casa, de Letícia Simões. Por fim, a homenagem de Contribuição Artística foi para o longa Seguir Filmando,  de Saeed Al Batal, Ghiath Ayoub, que procura responder à pergunta “O que pode uma câmera em um campo de guerra?” O longa é realizado a partir de mais de 500 horas de material captado por seus realizadores ao longo de quatro anos totalmente imersos nos conflitos da Síria.

COBERTURA CINEMASCOPE

O a equipe do Cinemascope cobriu o Festival Olhar de Cinema diretamente de Curitiba e conferiu vários dos filmes vencedores. Em nosso Instagram (@cinemascopebr) você encontra conteúdos especiais, além de bastidores do evento! A lista completa dos vencedores segue abaixo:

Prêmio AVEC-PR

Melhor curta-metragem da mostra Mirada Paranaense: Mirror Mirror on the Wall, de Igor Urban

Menção Honrosa: Essa Terra não vai Terminar, de Matias Dala Stella

Prêmio da Crítica / Abraccine

Melhor longa-metragem da mostra Competitiva: Casa, de Letícia Simões

Outros Olhares

Prêmio de Melhor Filme da mostra Outros Olhares | Longa: No Salão Jolie, de Rosine Mbakam

Menção Honrosa;

Indianara, de Aude Chevalier-Beaumel e Marcelo Barbosa

Novos Olhares

Prêmio de Melhor Filme da mostra Novos Olhares: Não Pense que eu vou Gritar, de Frank Beauvais

Melhor Filme Brasileiro | Longa

Prêmio de Melhor longa-metragem brasileiro: Espero tua (re)volta, de Eliza Capai

Melhor Filme Brasileiro | Curta

Prêmio de Melhor curta-metragem: Quebramar, de Cris Lyra

Público

Prêmio do Público: Chão, de Camila Freitas

Competitiva

Curta-metragem

Prêmio Olhar de Melhor Filme: Aziza, de Soudade Kaadan

Menção Honrosa curta-metragem: Sete anos em Maio, de Affonso Uchôa

Longa-metragem

Prêmio Olhar de Melhor Filme: Diz a ela que me viu Chorar, de Maíra Bühler

Prêmio de Contribuição Artística:Seguir Filmando, de Saeed Al Batal, Ghiath Ayoub

Prêmio Especial do Júri:Chão, de Camila Freitas

 

CONECTE-SE COM O CINEMASCOPE

Gostou desse conteúdo? Compartilhe com seus amigos que amam cinema! Aproveite e siga-nos no Facebook, Instagram, YouTube, Twitter e Spotify.



Fonte

Leave A Reply

Your email address will not be published.